Rio debate políticas da ONU para 3ª. idade (Português para o Brasil)

24 junho 2008

Segundo governo fluminense, estado concentra maior número de idosos do Brasil.

Iara Luchiari, Rádio ONU em Nova York*.

Uma série de recomendações das Nações Unidas sobre políticas para idosos foi debatida durante uma conferência sobre a terceira idade, no Rio de Janeiro.

Segundo o Centro de Informação das Nações Unidas no Rio, que acompanhou a Conferência Estadual dos Direitos das Pessoas Idosas, o encontro tratou de políticas de ação baseadas nas propostas da ONU.

Acesso

Segundo o governo fluminense, o Rio de Janeiro é o estado do Brasil que concentra o maior número de pessoas na terceira idade.

A secretária estadual de Assistência Social e Direitos Humanos do Rio, Benedita da Silva, explicou à Rádio ONU como o projeto com os idosos funciona para melhorar as condições de cidadania na terceira idade.

“Ele tem todo um acompanhamento físico, mental, de exercícios e qualificação para essas pessoas, no tempo delas, na idade delas. Serve para que elas sejam integradas e para lhes garantir cidadania para que tenham um tempo ativo e saudável”, disse.

100 mil idosos

De acordo com Benedita da Silva, mais de 100 mil idosos são atendidos por programas sociais do governo federal. Segundo ela, é importante garantir o acesso aos serviços de saúde e capacitação profissional também para os mais velhos.

A Conferência realizada no Palácio Gustavo Capanema, no Rio de Janeiro, terminou na última sexta-feira.

Reportagem*: Felipe Siston e Fabiola Ortiz, Unic Rio.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud