Ban visita locais afetados por terremoto na China BR

Ban visita locais afetados por terremoto na China

Secretário-Geral passou algumas horas na área do epicentro; tremor matou pelo menos 60 mil pessoas, em 12 de maio.~

Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, visitou neste sábado a cidade de Yingxiu, epicentro do terremoto que matou pelo menos 60 mil pessoas na China.

Ban foi acompanhado pelo primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, e elogiou a forma como o governo está respondendo a tragédia.

Cooperação

Ele se dirigiu a alguns sobreviventes através de um pequeno alto-falante e afirmou que a ONU está ao lado das vítimas para ajudá-las.

Segundo Ban, os líderes chineses estão demonstrando espírito de cooperação e resistência.

Neste fim de semana, o Programa Mundial de Alimentos, PMA, está enviando um segudo carregamento com água, comida e remédios.

Várias agências da ONU incluindo o Alto Comissariado para Refugiados, Acnur, enviou barracas para abrigar os sobreviventes.

O governo chinês diz que o número de mortos pode subir para 80 mil pessoas.