Ban preocupado com alegações de abuso sexual (Português para o Brasil)

27 maio 2008

Secretário-Geral reagiu à denúncia sobre supostos incidentes com tropas de paz e lembrou política de tolerância zero.

Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que está profundamente preocupado com alegações de moléstias sexuais por parte de alguns soldados de paz da ONU na África e no Haiti.

As denúncias foram feitas pela ONG britânica, Save the Children ou Salve as Crianças.

Assunto

A informação é da porta-voz de Ban, Michele Montas.

Ela afirmou que moléstias de crianças por parte de quem é enviado a ajudar é um assunto doloroso. Segundo ela, o Departamento de Manutenção das Operações de Paz da ONU tem lidado de maneira honesta com o assunto e continuará fazendo o mesmo. Ban afirmou que qualquer incidente, por menor que seja, não pode ser justificado.

Ban voltou a lembrar a política de tolerância zero da ONU contra casos de exploração ou abuso sexual.

Série de Medias

Montas afirmou que como foi mencionado no relatório da ONG britânica, as Nações Unidas já tomaram uma série de medidas para combater o problema diretamente estabelecendo um Código de Disciplina para todas as Unidades em missões de paz.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud