Coréia do Norte pode ter crise de alimentos (Português para o Brasil)

Coréia do Norte pode ter crise de alimentos (Português para o Brasil)

Agência da ONU, PMA, afirma que cheias de 2007 arrasaram colheitas.~~

Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.*

O Programa Mundial de Alimentos, PMA, lançou um alerta sobre uma possível crise alimentar na Coréia do Norte.

Segundo o PMA, a fraca colheita de cereais agravou o problema.

As plantações foram arrasadas pelas cheias de agosto de 2007.

Altos Preços

Pelos cálculos da agência da ONU, mais de 6,5 milhões de pessoas sofrem com a escassez de alimentos.

O porta-voz do PMA na Ásia, Paul Risley, disse à Rádio ONU, que é necessário agir rápido.

Segundo Risley, no passado o governo da Coréia do Norte havia providenciado mantimentos em épocas de crise.

O porta-voz afirmou que o governo não tem como cobrir os estoques agora, e que os altos preços dos alimentos na China dificultam a situação.

A agência da ONU lançou um apelo para fazer face a este problema.

De acordo com o PMA, o preço dos alimentos básicos na Coréia do Norte duplicou desde o ano passado.

*Apresentação Eduardo Costa da Rádio ONU em Nova York.*