Processo político em Darfur muito vagaroso

Processo político em Darfur muito vagaroso

Relatório da ONU critica situação na província sudanesa; Ban desiludido com falta de progressos.

João Duarte, Rádio ONU em Nova York.

Um relatório emitido pelas Nações Unidas afirma que uma solução negociada para a província sudanesa de Darfur é cada vez mais remota.

Segundo o documento, o governo e os rebeldes parecem determinados numa solução de tipo militar.

O relatório afirma que a comunidade internacional não providenciou helicópteros necessários, meios de transporte entre outros apoios logísticos para a Missão da União Africana e Nações Unidas em Darfur, Unamid.

Desilusão

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirma estar profundamente desiludido pela falta de progressos registados nos meses de janeiro a março deste ano.

Segundo Ban, o processo político está num impasse e o trabalho da Unamid está a avançar muito devagar. O Secretário-Geral afirma que a situação humanitária não está a melhorar.

Unamid

A Unamid foi estabelecida no final do ano passado com uma força alvo de 26 mil militares e polícias que iriam substituir a missão da União Africana na terreno que enfrentava problemas de falta de homens e equipamentos.

Até ao momento, a missão conta com 10,6 mil homens , dos quais 1,4 mil são civis.

O Secretário-Geral descreveu as implicações da actual situação de segurança para a população de Darfur como graves acrescentando que os ataques contra os transportes de alimentos dificultam a assistência humanitária.