ONU suspende ajuda humanitária à RDC (Português para África)

ONU suspende ajuda humanitária à RDC (Português para África)

Onda de violência leva o Acnur a suspender ajuda humanitária na província do Kivu Norte.

Iara Luchiari, Rádio ONU em Nova York.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, suspendeu nesta quinta-feira a ajuda humanitária à área de Rutshuru, no norte da República Democrática do Congo.

Segundo um comunicado do Acnur, a medida foi tomada devido a uma nova onda de violência provocada por conflitos entre soldados do governo e rebeldes das Forças Democráticas para a Libertação do Ruanda na província de Kivu Norte.

Deslocados

Cerca de 860 mil pessoas também abandonaram as suas casas na localidade de Goma para fugir da violência. Entre os deslocados conta-se um número elevado de mulheres e crianças.

O Acnur está a trabalhar em conjunto com o governo da República Democrática do Congo para registar o número de descolados.

Acordo de Paz

A onda de violência desta semana na província de Kivu Norte, localizada a 70 km da capital regional, Goma, ocorreu três meses depois do governo e dos rebeldes terem assinado um acordo de paz.

Apresentação*: João Duarte, Rádio ONU em Nova York.