Unicef inicia assistência a refugiados chadianos

Unicef inicia assistência a refugiados chadianos

Cerca de 30 mil pessoas fugiram para os Camarões após grupos rebeldes terem atacado o palácio presidencial em Ndjamena.~~

Segundo o representante do Unicef para a região, Martin Dawes, a agência começou a distribuir alimentos para crianças, vitamina A, e vacinas contra sarampo e meningite.

A agência planeia enviar aos Camarões, neste fim de semana, por via aérea, 90 toneladas de produtos.

Os incidentes

Os incidentes no Chade começaram no Sábado quando grupos rebeldes marcharam contra o palácio presidencial, em Ndjamena, num sinal de protesto ao governo do presidente Idriss Déby.

De acordo com agências de notícias, Déby disse a jornalistas nesta quarta-feira que o governo tem a situação sob controlo.

O representante da Cruz Vermelha Internacional no leste de África, Simon Ashmore, revelou que equipas da organização estão a ajudar no tratamento dos feridos e na recolha dos mortos que teriam ficado espalhados pelas ruas na sequência dos combates.