Líbano reconhece refugiados iraquianos

Líbano reconhece refugiados iraquianos

Governo libanês concede três meses para que iraquianos regularizem vistos de permanência.

Jorge Soares, da Rádio ONU em Nova York.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, felicitou o governo do Líbano pela decisão de reconhecer como refugiados milhares de iraquianos vivendo no país.

A maioria dos iraquianos no Líbano corria o risco de deportação por serem considerados migrantes ilegais.

A partir de segunda-feira, o governo libanês dará um período de três meses para que os iraquianos regularizem os visto de permanência.

A decisão do governo do Líbano beneficia milhares de iraquianos, muitos deles detidos pelas autoridades.