Gripe das aves causa nova morte no Egipto, diz OMS

2 janeiro 2008

Uma mulher morreu no norte do Cairo, elevando para três o número de casos fatais em uma semana.

Jorge Soares & Marco Alfaro, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Mundial da Saúde, OMS, revelou nesta quarta-feira, que foi registado no Egipto, um novo caso fatal de contágio com o vírus H5N1 em seres humanos.

Segundo a agência da ONU, uma mulher morreu na segunda-feira, no norte do Cairo, elevando para três o número de casos fatais em uma semana.

O oficial para doenças de emergência, John Jabour, falou à Rádio ONU, do Cairo, no Egipto, sobre o que a OMS está fazendo para conter a doença.

Jabour disse que a OMS está preocupada e vem fazendo um trabalho com as autoridades egípcias para a criação de campanhas de prevenção mais eficientes.

Segundo ele, no Egipto, foram registrados até o momento 43 casos de contaminação do vírus H5N1 em humanos. Destes 18 resultaram em mortes.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud