Fórum sobre mulheres em Darfur

Fórum sobre mulheres em Darfur

O encontro que ocorre em Addis Abeba, na Etiópia, é promovido pela organização Solidariedade com Mulheres de África.

O evento iniciado nesta quinta-feira, é promovido pela organização Solidariedade com Mulheres de África.

O objectivo é debater questões relacionadas com as mulheres em zonas de conflito.

Fatou Bensouda disse que as populações civis de Darfur, no Sudão, da República Democrática do Congo e do Uganda continuam a ser vítimas de crimes de violações dos direitos humanos.

Segundo a promotora, os autores de crimes sexuais e contra mulheres precisam saber que serão investigados e julgados.

Ordens de prisão

Bensouda lembrou que, em Maio de 2007, o Tribunal Penal Internacional emitiu ordens de prisão contra o ministro Ahmad Mohammed Haroun, e o líder das milícias "Janjaweed", Ali Muhammad Ali Abd al-Rahman, também conhecido como Ali Kushayb.

Ele são acusados de alegados crimes de guerra e contra a humanidade na província sudanesa de Darfur.

O conflito em Darfur já causou mais de 200 mil mortos e obrigou mais de 2 milhões de pessoas a fugir de suas casas.