ONU analisa futuro da Missão para Etiópia e Eritreia

ONU analisa futuro da Missão para Etiópia e Eritreia

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, enviou ao Conselho de Segurança um relatório em que pede uma análise sobre o futuro da missão.

Na quinta-feira, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, enviou ao conselho um relatório em que pede uma análise sobre o futuro da missão.

No documento, Ban Ki-moon alerta para o risco de agravamento das hostilidades com o aumento de operações de militares da Eritreia e da Etiópia na área de segurança temporária que delimita os dois países.

Mandato da Unmee

Ban propôs a extensão do mandato da missão por um mês. Ele disse que nesse período se irá estudar a evolução da situação e preparar novas recomendações.

Ele pede às partes que retirem suas tropas da zona e regressem aos limites em que se encontravam em Dezembro de 2004.

O Secretário-Geral disse que restrições impostas pelas autoridades da Eritreia, desde Setembro de 2006, têm impedido o fornecimento de combustíveis à Unmee dificultando suas operações.

A Etiópia e a Eritreia viveram um conflito armado entre 1998 e 2000 que provocou mais de 70 mil mortos.