FAO preocupada com nevasca na China (Português para o Brasil)

31 janeiro 2008

Diretor de Projetos da agência, Roberto Mercado, afirma que pode haver escassez de alimentos se mau tempo continuar.

Segundo o governo chinês, a tempestade de neve, no sul e centro do país, é a pior das últimas décadas.

Economia

O chefe do Programa Mundial de Projetos da FAO, Roberto Mercado, disse à Rádio ONU que a agência está acompanhando a situação na China. Mas o país não deve pedir ajuda à Fao por causa da boa posição da economia chinesa.

“É mais uma questão de querer colaborar com as autoridades chinesas num planejamento, para que situações como essa não aconteçam a curto prazo. Não se pode dizer que a China seja um país deficitário de recursos, nem humanos, nem tecnológicos e muito menos financeiros”, disse.

De acordo com agências de notícias, pelo menos três homens morreram com a baixa temperatura. Milhões de chineses foram afetados pela mau tempo quando viajavam para comemorar o Ano-Novo no calendário do país.

A nevasca começou em 10 de janeiro e já afetou 80 milhões de pessoas em 14 províncias.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud