ONU promove trabalho para pessoas com deficiência (Português para o Brasil)

3 dezembro 2007

Dia Internacional focaliza importância de ocupações e empregos decentes.

Mônica Valéria Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Alto-Comissariado de Direitos Humanos das Nações Unidas marca nesta segunda, 3 de dezembro, o Dia internacional de Pessoas com Deficiência.

A data promove a importância de postos de trabalho apropriados para este grupo, que forma 10% de toda a população mundial.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, disse em sua mensagem para marcar o dia, que a comunidade internacional precisa de empenhar na igualdade de direitos para todos.

Segundo a ONU, os índices de desemprego entre pessoas com deficiência é geralmente maior que para os que não têm deficiência.

Em alguns países, esta diferença pode ser até 30% mais alta.

A superintendente-geral da ONG, Escola de Gente, Claudia Werneck, disse à Rádio ONU, do Rio de Janeiro, que o preconceito, no local de trabalho, se dá de forma sutil.

“Pessoas com deficiência têm o direito de estar em todos os lugares e contribuir com o bem comum. É preciso que as empresas se reestruturem, não por conta da chegada de uma pessoa com deficiência, mas porque as empresas de modo geral, assim como a sociedade, como a mídia, têm uma prática muito sutil de discriminação. Discriminação por gênero, por religião e neste contexto entra a questão da deficiência. Só que muitas vezes apenas quando entra uma pessoa com deficiência no ambiente de trabalho é que algumas questões ficam claras. E a tendência é achar que o problema é a pessoa com deficiência, mas na verdade o problema é o ambiente de trabalho e a forma como se trata deste assunto”, conta.

Em dezembro de 2006, a Assembléia Geral da ONU adotou a Convenção sobre Direitos das Pessoas com Deficiências.

O tratado foi firmado até agora por 118 países.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud