EUA convidam relator da ONU para Guantánamo (Português para o Brasil)

EUA convidam relator da ONU para Guantánamo (Português para o Brasil)

Martin Scheinin deverá observar audiências que começam nesta quarta na base militar.

Mônica Valéria Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O relator especial para Promoção e Proteção dos Direitos Humanos e Liberdades Fundamentais da ONU, Martin Scheinin (foto), deverá participar de audiências militares em Guantánamo, nesta quarta-feira.

Scheinin foi convidado pelo governo americano para observar as audiências.

O convite foi feito após uma visita dele aos Estados Unidos em maio deste ano.

Relatório

O relator deve estar presente durante a audiência de Salim Ahmed Hamdan, do Iêmen, capturado no Afeganistão em 2001.

Hamdan está preso em Guantánamo desde 2002 após ser indiciado por conspiração e por fornecimento de material de apoio ao terrorismo.

A missão de Scheinin deverá culminar num relatório sobre proteção dos direitos humanos nos Estados Unidos.

O assunto será debatido numa sessão do Conselho de Direitos Humanos, em Genebra, na Suíça, no próximo dia 12.