Koenigs promete fazer tudo para libertar funcionário da ONU detido no Afeganistão
BR

31 dezembro 2007

O representante do Secretário-Geral deixou, nesta segunda-feira, o comando da missão da ONU no país.~~

Marco Alfaro, da Rádio ONU em Nova York.

O representante do Secretáro-Geral para o Afeganistão, Tom Koenigs (foto), expressou preocupação com a prisão de um funcionário da ONU e prometeu fazer tudo para libertá-lo.

O funcionário detido é consultor da Missão de Assistência no Afeganistão, Unama, e foi preso pelas autoridades do país.

O consultor foi acusado de ajudar um outro funcionário da ONU e um representante da União Européia a contactar o grupo islâmico talebã.

O representante do Secretário-Geral deixou, nesta segunda-feira, o comando da Unama, após dois anos de serviço.

Em sua mensagem de despedida, em Cabul, Koenigs disse estar preocupado com a situação de segurança no Afeganistão mas demonstrou esperança no futuro do país.

Segundo ele, o Afeganistão está deixando de ser um país destruído por décadas de conflito para se transformar numa democracia islâmica progressista.

Koenigs destacou que a Unama dobrou a presença no Afeganistão, nos últimos dois anos, abrindo oito novos escritórios para atender a população.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud