ONU e Cplp juntas contra fome no campo

ONU e Cplp juntas contra fome no campo

O Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola, Fida, e a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, Cplp, assinaram um acordo de cooperação para combater pobreza e fome em áreas rurais.

Por Adriana Niemeyer, Da Rádio ONU em Lisboa

A iniciativa de cooperação foi anunciada nesta quinta-feira durante as Jornadas Europeias de Desenvolvimento, que ocorrem em Lisboa.

O Fida, uma agência das Nações Unidas dedicada a combater a pobreza rural, nos países em desenvolvimento, já investiu cerca de US$ 750 milhões em 27 projectos em todas as nações lusófonas à excepção de Portugal.

De acordo com o presidente do Fida, Lennart Boge, este acordo é muito mais vantajoso que os anunciados de forma bilateral. “Nós estamos trabalhando em todos os países da Cplp, à excepção de Portugal, que é um doador do Fida. Negociando em bloco criamos maiores facilidades de aprendizagem e na troca de experiências. Uma vez que todos têm a língua portuguesa em comum. Deste modo não somos somente provedor de fundos mas também de experiências”, afirmou Boge para a Rádio ONU.

Na sua participação de uma mesa redonda sobre Vulnerabilidade e Adaptação às Mudanças Climáticas, Boge lembrou que os pobres, em áreas rurais, são os mais atingidos pelas mudanças climáticas e que é “necessário e urgente” um esforço comum para criar medidas e intervenções que assegurem a adaptabilidade dos países em desenvolvimento a longo prazo.

A Cplp já assinou vários acordos de cooperação com as Nações Unidas. Entre as agências parceiras estão o Alto-Comissariado de Direitos Humanos da ONU e a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO.