Catar pede à ONU Dia Mundial sobre Autismo (Português para o Brasil)

28 novembro 2007

País árabe diz que é preciso criar conscientização sobre diagnóstico e tratamento da doença.

Mônica Valéria Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O embaixador do Catar nas Nações Unidas, Nassir Abulaziz Al-Nasser, pediu aos países-membros da ONU que ajudem a criar um Dia Internacional para Conscientização sobre Autismo.

Segundo especialistas, a doença afeta a maneira como a pessoas se comunicam e interagem com outros.

Cerca de 35 milhões de pessoas têm autismo em todo o mundo.

Segundo o embaixador catariano, o combate à doença requer um esforço mundial, uma vez que o autismo pode atingir a todos independentemente de classe ou situação geográfica.

Tratamento Apropriado

No mês passado, a Assembléia Geral da ONU aprovou um esboço de resolução, apresentada pelo Catar, e apoiada por mais outros 50 países, pedindo a criação do Dia Mundial de Conscientização sobre Autismo.

Se aprovada a resolução, a data será marcada já a partir de abril de 2008.

De acordo com o representante do Catar, a criança diagnosticada antes de três anos, e que recebe tratamento apropriado, tem 50% de chance de completar a escola em idade normal.

Segundo a organização Autismo Fala, nos Estados Unidos, a cada 20 minutos uma criança é diagnosticada com a doença.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud