Perspectiva Global Reportagens Humanas

Integração regional favorece os países em desenvolvimento, diz Unctad BR

Integração regional favorece os países em desenvolvimento, diz Unctad

Um relatório da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad, afirma que a integração regional constitui um dos fatores mais positivos para o progresso dos países em desenvolvimento.

Segundo a Unctad, é mais fácil organizar sistemas de cooperação entre países vizinhos, ou que compartilhem características semelhantes como clima, cultura e idioma.

A chefe do Programa de Indústrias e Economia Criativa da Unctad, Edna dos Santos, falou à Rádio ONU, de Genebra, sobre o papel da cooperação Sul-Sul.

"Eu acho que é uma perspectiva extremamente promissora. Fazem anos que a Unctad vem trabalhando e tentando sensibilizar os governos dos países em desenvolvimento do grande potencial que existe no chamado comércio sul-sul, que foi rebaptizado pelo presidente Lula como a nova geografia do comércio", disse.

Edna dos Santos destaca o desenvolvimento econômico dos países asiáticos, entre eles China e Índia.

"A participação dos países em desenvolvimento no comércio internacional tem aumentado de forma vertiginosa nos últimos anos. Isso se deve a várias razões, principalmente a questão da emergência da China e da Índia, mas principalmente da China, como uma grande potência econômica. O crescimento da China proporcionou uma grande demanda a nível de todos os produtos, principalmente commodities, que são as grandes exportações dos países em desenvolvimento", explicou.

O documento revela que na América Latina, o comércio regional representa cerca de 30% do total, enquanto na África, o comércio entre os países do continente representa apenas 10%.