Guterres sugere mais cooperação sobre migrações na Europa BR

Guterres sugere mais cooperação sobre migrações na Europa

O alto-comissário da ONU para Refugiados, António Guterres, defendeu a criação de regras comuns para migrantes na União Européia, segundo meios de comunicação portugueses.

Guterres lembrou que há cada vez mais migrantes chegando ao continente.

A chefe da missão da Organização Internacional para Migrações, OIM, em Portugal, Mónica Goracci, disse à Rádio ONU, que a troca de informações entre países é essencial à questão dos migrantes.

"A União Européia continua, de qualquer forma, sem uma política comum de imigração. Muitos países acham que a entrada dos imigrantes nos seus territórios devem ser geridas pelos próprios Estados. De qualquer forma, a questão da troca de informação, em particular num espaço comum, é fundamental", disse.

E nesta terça-feira, o Acnur elogiou a decisão do governo do Chile de receber refugiados palestinos, vítimas da violência no Iraque.

A decisão chilena foi anunciada quatro meses após o Brasil ter aceitado acolher 117 refugiados palestinos, nos estados de São Paulo e Rio Grande do Sul.

O representante do Acnur no Brasil, Luís Varese, contou à Rádio ONU, de Brasília, que os refugiados devem chegar no próximo mês.

"Eles já devem estar na terceira semana de outubro aqui. No caso do Chile, o governo aceitou receber 100 refugiados palestinos de outros acampamentos, no prazo mais curto possível", disse.

De acordo com o Acnur, o perfil dos refugiados está sendo analisado para empregos. Eles receberão ainda aulas de português para ajudar na integração à nova vida no Brasil.