Ompi discute relação entre propriedade intelectual e saúde pública
BR

19 setembro 2007

A Organização Mundial de Propriedade Intelectual das Nações Unidas, Ompi, realizou um encontro sobre propriedade intelectual e saúde pública.

Um dos diretores da Ompi, José Graça Aranha, contou, à Rádio ONU, da cidade do Porto, em Portugal, que o encontro ajuda no debate sobre formas de tornar os medicamentos mais acessíveis a todos.

"Especificamente na indústria farmacêutica como os países poderão implementar políticas que venham a fazer com que, os produtos farmacêuticos, os medicamentos estejam mais acessíveis às populações e, ao mesmo tempo, que isso permaneça compatível com a proteção da propriedade intelectual, no caso específico à proteção patentária", explicou.

E nesta quarta-feira, o relator especial da ONU para o Direito de Todos a uma Saúde Física e Mental Sustentável, Paul Hunt, divulgou um documento sobre o acesso a medicamentos no mundo.

Segundo ele, melhorar o acesso poderia salvar 10 milhões de vidas, todos os anos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud