Unitaid reduz em quase 40% preço de antiretrovirais para crianças BR

Unitaid reduz em quase 40% preço de antiretrovirais para crianças

A Central Internacional para Compra de Medicamento, Unitaid na sigla em inglês, anunciou que consegui reduzir em cerca de 40% o preço dos remédios para o tratamento da Aids em crianças.

A proposta prevê a arredação de uma parte dos impostos pagos em bilhetes de avião para a compra de medicamentos contra o HIV, tuberculose e malária.

O especialista em HIV/Aids da Organização Mundial da Saúde, Marco Vitória, disse à Rádio ONU, de Genebra, que a Unitaid já está fazendo a diferença na vida de muitos pacientes.

"A iniciativa do Unitaid tem realmente uma importância estratégica porque ela visa justamente aumentar o acesso a medicamentos que são de maior complexidade, drogas geralmente utilizadas nos tratamentos de segunda linha e nos tratamentos pediátricos, que são medicamentos, geralmente, mais difíceis de ser obtidos pelas vias normais nos países em desenvolvimento", explicou.

Somente no ano passado, a Unitad comprou e distribuiu 1,3 milhão de medicamentos no Burundi e na Libéria. Até o fim do ano, o programa pretende fornecer tratamento contra tuberculose a 150 mil crianças em 19 países.

Nos Estados Unidos, a Unitaid é parceria da Fundação Clinton, dirigida pelo ex-presidente americano Bill Clinton.