Missão da ONU condena ataque a jornalista da Rádio Okapi na RD Congo

Missão da ONU condena ataque a jornalista da Rádio Okapi na RD Congo

A Missão das Nações Unidas na República Democrática do Congo, Monuc, denunciou, nesta quinta-feira, o ataque a um jornalista da Rádio Okapi, uma emissora que conta com o apoio da ONU.

As Nações Unidas pedem às autoridades da República Democrática do Congo que investiguem este novo incidente para que os responsáveis do acto sejam levados à justiça.

Em Junho, um outro jornalista da mesma emissora, Serge Maheshe, foi assassinado a tiros, quando entrava num carro da ONU após sair de uma visita.

Segundo a Monuc, a Rádio Okapi foi criada pela Fundação Hirondelle, da Suíça, para apoiar o processo de paz no país, que viveu um conflito armado até 2003.