ONU pede fim de armas nucleares após 62 anos de bomba em Hiroshima

6 agosto 2007

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu o fim das armas nucleares durante uma cerimónia para marcar os 62 anos da explosão da bomba atómica na cidade de Hiroshima, no Japão.

A mensagem foi entregue pelo alto-representante das Nações Unidas para o Desarmamento, embaixador Sergio Duarte.

Antes de embarcar, ele contou à Rádio ONU, o teor do comunicado de Ban Ki-moon.

“Ele não apenas presta uma homenagem aos milhares de mortos com a explosão da bomba atómica em Hiroshima, mas também faz um apelo para que as armas nucleares sejam banidas e que não haja mais possibilidade que um acontecimento dessa natureza volte a se repetir”, disse.

Uma cerimónia semelhante deve ocorrer na cidade de Nagasaki nesta quinta-feira.

Cerca de 140 mil pessoas morreram em Hiroshima e mais de 70 mil em Nagasaki durante a explosão das bombas pelos Estados Unidos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud