ONU apela a países que exerçam maior controle sobre alimentos

ONU apela a países que exerçam maior controle sobre alimentos

A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, e a Organização Mundial da Saúde, OMS, apelaram à comunidade internacional para fortalecer seus sistemas de segurança alimentar.

Leia o boletim do repórter da Rádio ONU, Eduardo Costa:

"Segundo a FAO e a OMS, os incidentes envolvendo melanina química industrializada em animais e peixes e o uso ilegal de certas substâncias veterinárias podem afetar a saúde e levar à rejeição de determinados produtos no mercado internacional.

Segundo as duas agências da ONU, os incidentes ocorrem por falta de informação sobre segurança alimentar e devido ao emprego fraudulento de ingredientes como aditivos químicos não-autorizados. Somente no último ano, a FAO e a OMS investigaram cerca de 200 incidentes de contaminação de alimentos".

E o Programa Mundial de Alimentos, PMA, e a China assinaram uma parceria para diminuir a fome no mundo.

O governo chinês deverá aumentar a participação de suprimentos para a agência da ONU com produtos do país.