Minustah e polícia do Haiti apreendem 420 kg de cocaína BR

Minustah e polícia do Haiti apreendem 420 kg de cocaína

A Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti, Minustah, afirmou que ajudou a apreender 420 kg de cocaína durante uma operação da polícia haitiana, na capital Porto Príncipe.

A apreensão é parte da ofensiva da polícia e da Minustah de combater o comércio de drogas ilegais.

A Minustah é comandada pelo Brasil, e nos últimos meses, tem realizado, ao lado da polícia haitiana, várias operações de sucesso.

O comandante das tropas brasileiras no Haiti, coronel Barroso Magno, falou à Rádio ONU, antes da apreensão da cocaína, sobre o progresso do patrulhamento da comunidade de Cité Soleil, considerada uma das favelas mais perigosas do Haiti.

“Houve uma grande mudança. A Cité Soleil que nós encontramos seis meses atrás é muito diferente. As pessoas transitam com liberdade e tem uma retomada do seu desenvolvimento econômico. Tem muitas obras, muito trabalho de recuperação de ruas e prédios, e as pessoas andam sem nenhuma ameaça de crime organizado. Como qualquer cidade do mundo, há presença de bandidos, há presença de criminosos, mas isso sem uma estruturação sem uma organização criminosa. São índices que são bastante otimistas, comparáveis com as cidades mais seguras do mundo”, disse.

Em duas semanas, um novo contingente brasileiro deve assumir o trabalho no Haiti, a maioria dos militares é do Rio Grande do Sul.