ONU pede a países que apoiem Convenção sobre Terrorismo Nuclear

ONU pede a países que apoiem Convenção sobre Terrorismo Nuclear

O combate ao terrorismo nuclear foi tema de um painel, realizado na sede da ONU, pelo Escritório de Assuntos Legislativos da organização.

Leia o boletim do repórter da Rádio ONU, Eduardo Costa:

״A convenção, assinada por 115 países e ratificada por 22, prevê que Estados-membros punam qualquer ato de terrorismo atómico como, por exemplo, a obtenção de material de sabotagem de usinas nucleares.

Na reunião desta segunda-feira, os especialistas lançaram um apelo para que mais países firmem o documento.

O secretário-geral assistente para Assuntos Jurídicos, Larry Johnson, chamou a atenção para a urgência de uma cooperação internacional levando a medidas práticas de prevenção de actos terroristas.

A convenção, proposta pela Rússia em 2005, estimula a troca de informações e maior cooperação entre países nas investigações.

Durante o encontro os especialistas alertaram sobre o avanço de tecnologias e de uma certa facilidade de manipulação de materiais nucleares em mãos erradas.״