ONU renova pedido para libertar jornalista da BBC em Gaza BR

ONU renova pedido para libertar jornalista da BBC em Gaza

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, voltou a pedir nesta quinta-feira a libertação do jornalista da rede britânica BBC, Alan Johnston, seqüestrado em 12 de março em Gaza.

Ban disse também que os atentados contra a liberdade de imprensa e os profissionais de comunicação são ataques à humanidade.

Mais de 150 jornalistas foram mortos em 2006 no exercício da função. O Iraque, pelo quarto ano consecutivo, é o país mais perigoso para os profissionais de comunicação.

Na tarde desta quinta-feira, centenas de pessoas se reuniram numa marcha para pedir a libertação do correspondente da BBC. O editor de jornalismo da emissora, Jon Williams, disse à Rádio ONU, de Londres, que o grupo que está mantendo o jornalista em cativeiro não fez nenhum contato com a emissora.

Jon Williams disse que a BBC também não tem nenhuma idéia sobre o motivo do crime, se estaria relacionado à emissora ou ao jornalista. Segundo Williams a segurança dos jornalistas é um pré-requisito para a produção da informação.