Ban Ki-moon condena morte de soldados da União Africana em Darfur

Ban Ki-moon condena morte de soldados da União Africana em Darfur

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, condenou, nesta segunda-feira, a morte de cinco soldados da força da manutenção da paz da União Africana, Amis, na provincial de Darfur, no Sudão.

Ele acrescentou que os incidentes reforçam a importância da proposta das Nações Unidas sobre o envio de uma força de paz mista para Darfur.

Segundo a União Africana, os soldados morreram, no domingo, após um ataque feito por um grupo armado, nas proximidades de El Fasher, ao norte de Darfur.

A União Africana que mantém um contingente de 7 mil soldados em Darfur, pediu às autoridades sudanesas que investiguem os ataques às forças de paz, para que os responsáveis sejam levados à justiça.

Segundo as Nações Unidas, desde 2003, o conflito em Darfur já provocou mais de 200 mil mortos e 2,5 milhões de refugiados.