ONU pede ordem nas eleições presidenciais do Timor-Leste BR

ONU pede ordem nas eleições presidenciais do Timor-Leste

O Conselho de Segurança da ONU manifestou seu apoio ao processo político do Timor-Leste, que realiza suas primeiras eleições presidenciais na segunda-feira.

Os países-membros do Conselho de Segurança, disse Parry, pedem a todos os participantes nas eleições do Timor-Leste que evitem a violência e respeitem o processo legal, de modo que as eleições contribuam para a união do povo timorense.

O embaixador do Timor-Leste na ONU, Nelson Santos, por sua vez, destacou a convicção democrática de seu país.

“Nós temos visto certos problemas em Timor-Leste, mas a questão é que a nossa convicção na democracia nunca foi questionada até a data. As eleições vão ser outra etapa importante no nosso processo democrático. Ao contrário de 2001 e 2002, quando havia consenso entre a liderança, hoje, nós estamos vendo uma expressão mais ampla de idéias da nossa liderança. Esperamos que isso consolide a nossa democracia e que a paz seja uma realidade no Timor-Leste, depois das eleições”, destacou.

O resultado das eleições timorenses deve ser divulgado na próxima terça-feira.