Nações Unidas elogiam Guiné-Bissau por apreensão de 635 kg de cocaína

5 abril 2007

O Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime, Unodc, elogiou as autoridades da Guiné-Bissau pela apreensão de 635 kg de cocaína, com um valor estimado de US$ 54 milhões.

O director-executivo do Unodc, António Maria Costa, disse se tratar de uma das mais importantes operações de captura de droga registada no país. Ele apelou ao governo da Guiné-Bissau a assegurar que o produto seja realmente destruído.

Também o representante do Gabinete das Nações Unidas para a Consolidação da Paz na Guiné-Bissau, Unogbis, Shola Omoregie, felicitou a operação da polícia guineense, segundo o encarregado de informação do Unogbis, Vladimir Monteiro.

“O representante do Secretário Geral das Nações Unidas em Guiné-Bissau, Shola Omoregie, congratulou-se com o trabalho feito pela polícia judiciária que culminou na apreensão da droga. Como se sabe, a luta das Nações Unidas contra as drogas está a cargo do Unodc, mas Omoregie se preocupa que o tráfico de drogas na Guiné-Bissau possa ter implicações sobre a estabilidade política e económica ”, ressaltou.

Segundo o Unodc existem indícios de que autoridades oficiais e membros das Forças Armadas estejam envolvidos no tráfico de drogas.

A agência da ONU apela ao apoio à Guiné-Bissau pela comunidade internacional para que o país possa dispor de equipamento básico de combate ao crime organizado.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud