Mohamed Saket, 15/03/07

15 março 2007

Especialista em Florestas da FAO fala sobre tendências de reflorestamento; Brasil integra grupo de 10 países que abrigam 80% das florestas do mundo.

Algumas regiões do mundo estão revertendo séculos de desmatamentos com um crescimento das áreas florestais, de acordo com o Relatório das Florestas do Mundo. O estudo, apresentado na abertura da 18ª Sessão do Comitê Florestal da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, em Roma, na Itália, ressalta os efeitos positivos das políticas econômicas e do gerenciamento responsável de florestas.

O mesmo estudo registra que mais de 100 países têm estabelecido programas nacionais para cuidar do assunto.

A florestas ocupam cerca de 4 bilhões de hectares cobrindo, aproximadamente, 30% da área terrestre. Entre 1990 e 2005, o mundo perdeu 3% de sua área florestal – em uma média decrescente de 0,2% ao ano.

Ainda segundo a FAO, 57 países registraram um crescimento de suas florestas e 83 amargaram redução, entre os anos 2000 e 2005. Mesmo assim, a perda total de floresta ainda é de 7,3 milhões de hectares por ano, cerca de 20 mil hectares por dia – o que equivale a uma cidade do tamanho de Paris.

Dez países reúnem 80% das florestas nativas do mundo. Entre eles, Brasil, México e Indonésia, que contabilizaram as maiores perdas dessas áreas, também entre 2000 e 2005.

De acordo com o relatório, África, América Latina e Caribe são as regiões com maiores prejuízos, atualmente. África, que reúne cerca de 16% de toda a área de florestas do mundo, perdeu mais de 9% de sua área florestal entre 1990 e 2005. América Latina e Caribe, que reúnem 47% das florestas mundiais, registraram um aumento das perdas anuais de 0,46% para 0,51%, de 2000 a 2005.

Na Ásia, a área florestal cresceu no mesmo período, revertendo a tendência negativa das últimas décadas. O crescimento foi registrado principalmente no leste asiático, onde os grandes investimentos em reflorestamento compensam os altos índices de desmatamento de outras áreas.

A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação alerta que entre 80% e 99% das queimadas a florestas são causadas por seres humanoos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud