Minustah ajuda a combater casos de seqüestros de crianças no Haiti
BR

30 março 2007

A Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti, Minustah, se comprometeu em ajudar as autoridades haitianas a combater quadrilhas de seqüestradores no país.

A missão da ONU disse que os delitos ocorreram após uma melhoria significativa da situação de criminalidade, registrada nos primeiros meses do ano.

Soldados brasileiros estão patrulhando uma das áreas mais perigosas do Haiti, a favela de Cité Soleil, na capital Porto Príncipe, para controlar a ação de grupos armados.

Desde 2004, o Haiti conta com o apoio da Minustah, que é comandada pelo Brasil.

As Nações Unidas ajudaram ainda a formar 334 juízes e escrivães, em 16 distritos, para reforçar o aparato jurídico do país.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud