Conversações sobre Kosovo previstas para 21 de Fevereiro na Áustria

Conversações sobre Kosovo previstas para 21 de Fevereiro na Áustria

O enviado especial da ONU ao Kosovo, Martti Ahtisaari (foto), anunciou que as conversações sobre o futuro da província devem ser retomadas no próximo dia 21 em Viena, na Áustria.

Pela medida, a província teria direito ao auto-governo, mas o texto não menciona a palavra independência.

Nesta quinta-feira, agências de notícias informaram que o Parlamento sérvio rejeitou a proposta da ONU.

A vice-directora de Informação da Missão da ONU em Kosovo, Marcia Poole, disse à Rádio ONU, de Pristina, como os dois lados interpretam a proposta.

"Os albaneses porque acham que a proposta, do jeito que está formulada no momento - e que o Presidente Ahtisaari diz que ainda é um esboço, não é a proposta final, é uma proposta que ele está abrindo aos comentários e as observações das duas partes – e, na maneira de ver dos albaneses, talvez haja muitas concessões. E, por outro lado, os kosovares de etnia sérvia acreditam que a proposta, basicamente, oficializa a independência do Kosovo, apesar de não mencionar a palavra independência” disse.

Desde uma intervenção militar em 1999, Kosovo, na ex-Jugoslávia, está sendo administrado pelas Nações Unidas.