Ministro Gil elogia Annan

15 dezembro 2006

A Rádio ONU conversou com o ministro da Cultura Gilberto Gil sobre o legado de Kofi Annan, que deixa a liderança da ONU em dezembro. Gil também falou dos desafios para o próximo Secretário-Geral, Ban Ki-moon empossado em 14 de dezembro.~

“Eu acho que ele deixa um legado de compromisso com a o restabelecimento da ONU como uma instituição fundamental para o multilateralismo. E, também, da diplomacia como fator atuante na questão do entendimento entre as nações, da diminuição do potencial de guerra. E, mais recentemente, de como enquadrar devidamente a questão das várias formas de terrorismo entre as questões da política e, especialmente, da diplomacia internacional. Ele atuou muito fortemente nessas áreas todas. E o que ele deixa é isso: a organização revitalizada, recomposta no seu papel internacional”, disse.

O ministro também lembrou um dos momentos-chave durante o mandato de Kofi Annan foi o lançamento das Metas do Milênio, uma agenda de desenvolvimento que prevê erradicar e, em alguns casos reduzir, males sociais até 2015.

Reportagens e Destaques, produção da Rádio ONU em Nova York

Apresentação Monica Valeria

Produção Sandra Guy e Kacy Lin

Direção técnica Michael Gomez

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud