Especialistas debatem segurança para desativar instalações nucleares
BR

21 dezembro 2006

Um grupo de especialistas em término seguro de instalações nucleares reuniu-se em Atenas, na Grécia, para analisar formas eficientes de desativar plantas e usinas atômicas.

O encontro reuniu também representantes de governos, agências fiscalizadoras e técnicos em engenharia nuclear.

A especialista-sênior em radiação segura da Agência Internacional de Energia Atômica, Eliana Amaral, disse à Rádio ONU, de Viena, que a discussão sobre o término de instalações nucleares também passa pela sociedade.

“Como lidar com esse problema com a sociedade e como adotar procedimentos que sejam factíveis para vários países. Por exemplo, se ao descomissionar, existir uma necessidade de se descontaminar algumas áreas, haverá um custo e a sociedade tem que aceitar qual é o investimento que deve ser feito naquele local ou se esse investimento deve ser feito em outra área mais importante para eles”, disse.

O Plano Internacional para Desativar Instalações Nucleares resultou de uma conferência internacional sobre o tema em outubro de 2002.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud