Jovens assumem desafios das metas de desenvolvimento do milénio

Jovens assumem desafios das metas de desenvolvimento do milénio

Os participantes da Cimeira Mundial dos Jovens Líderes se comprometeram, no fim da encontro, a perseguir os objectivos do desenvolvimento do milénio, incluindo a eliminação da pobreza e da fome nos seus países.

Ruth Cangela, chefe do Departamento do Associativismo, do Ministério moçambicano da Juventude e Desportos, revelou à Rádio ONU os compromissos que vai ter pela frente:

“Vou levar uma missão, a missão que o próprio Secretário-Geral das Nações Unidas nos deu, de sermos embaixadores de boa vontade para a dinamização dos objectivos de desenvolvimento do milénio ao nível do meu país. Portanto saio de aqui com um plano de acção concreto que é para sentar-me com as organizações juvenis e jovens singulares, para podermos dinamizar os objectivos do milénio na perspectiva do país.

Djibril Diallo, Director do Escritório das Nações Unidas para a Cultura ao Serviço do Desenvolvimento e da Paz (Unosdp) destacou igualmente o papel do sector privado na promoção do evento.

Djibril Diallo pôs ênfase no papel que os jovens líderes vão desempenhar na promoção do desenvolvimento.