Países vizinhos não devem usar Somália como teatro de guerra, diz ONU

Países vizinhos não devem usar Somália como teatro de guerra, diz ONU

A Organização das Nações Unidas revelou que as negociações de paz para a Somália foram adiadas para meados de Dezembro.

François Lonsény Fall (foto), enviado especial do Secretário-Geral, Kofi Annan para a Somália, disse em conferência de imprensa que os países vizinhos devem prescindir de usar o país como teatro de guerra.

Fall adiantou que o Conselho de Segurança continua a apreciar uma proposta no sentido de levantar o embargo de armas imposto à Somália.

Ele disse que há posições a favor e em contra, a nível do Conselho de Segurança, relativamente à possibilidade de permitir às autoridades do país importar armas para treinar as forças de segurança somalis.

O enviado especial de Kofi Annan que falava após consultas sobre a Somália realizadas no Conselho de Segurança da ONU, revelou que as conversações de paz que estavam programadas para 30 de Outubro foram adiadas porque as duas partes em conflito apresentaram certas condições prévias.

François Lonsény Fall adiantou que as Nações Unidas estão preocupadas com a possibilidade da crise da Somália se expandir para outras áreas da região.