OIM treina freiras brasileiras para combater tráfico humano
BR

29 setembro 2006

A Organização Internacional para as Migrações, OIM, informou nesta sexta-feira em Genebra, que começará a treinar freiras brasileiras para ajudar no combate ao tráfico de seres humanos.

O Acnur está apoiando o treinamento, que deve começar na segunda-feira e durar uma semana.

De acordo com a OIM, o Brasil é o país sul-americano com o maior número de incidência de tráfico humano para exploração sexual. E uma em cada seis vítimas de tráfico humano em todo o mundo seria brasileira.

A OIM informou ainda que a maioria das vítimas tem de 15 a 25 anos.

O treinamento das freiras ocorrerá em São Paulo e é parte do programa de treinamento contra tráfico de seres humanos para religiosos.

Nos últimos três anos, a OIM preparou mais de 200 clérigos de países europeus, asiáticos, americanos e africanos.

Depois do Brasil, os casos mais graves de tráfico de seres humanos ocorrem na Colômbia e no Paraguai.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud