Militares brasileiros da Minustah ajudam na construção civil do Haiti
BR

3 maio 2006

O embaixador do Brasil no Haiti, Paulo Cordeiro de Andrade Pinto, disse que o presidente eleito do Haiti, René Préval, elogiou o trabalho de uma companhia militar brasileira, que tem realizado várias tarefas de construção no país.

"Essa companhia tem feito o trabalho daqui ajudando a melhorar o acesso, por exemplo, dos quartéis na área da Minustah, construindo alojamento para eles e ao mesmo tempo fazendo o serviço de apoio às autoridades haitianas. Os soldados limpam os canais que estão cheios de lixo na zona de Cité Soleil, asfaltam as ruas, tapam buracos mostrando ao povo que estamos ajudando eles a melhorar de vida", explicou o embaixador.

O embaixador contou que a usina militar da missão brasileira tem cerca de 150 soldados especializados em trabalhos de construção civil.

A Missão da ONU de Estabilização do Haiti, a Minustah, é comandada pelo Brasil. Um novo contigente de soldados brasileiros do nordeste está sendo esperado em Porto Príncipe para maio, quando o atual batalhão de São Paulo deverá deixar o Haiti.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud