Acnur lança campanha para documentar deslocados da Colômbia
BR

18 maio 2006

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, lançou uma campanha de emergência na Colômbia para documentar centenas de deslocados no sudoeste do país.

O porta-voz do Acnur em Genebra, William Spindler, disse que a situação de cidadãos sem documentos é frágil e perigosa.

"Numa situação de guerra, não se pode mostrar a sua identidade porque essa pessoa é vulnerável a todo tipo de lesão dos seus direitos por grupos armados que operam no país. Uma pessoa sem documentos está vulnerável a qualquer abuso, essa pessoa pode ser suspeita de pertencer a um grupo ilegal", explicou Spindler.

Spindler disse ainda que a falta de documentação não se deve só à violência mas também à dificuldade de acesso a muitos vilarejos.

A campanha de emergência para concessão de documentação do Acnur está sendo realizada em parceria com o Cartório de Registros da Colômbia.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud