Brasil é pais de alto risco para tráfico humano, diz Unodc
BR

24 abril 2006

O Brasil é um país de alto rico para o tráfico de seres humanos, de acordo com relatório do Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime, Unodc, lançado na segunda-feira em Viena, na Áustria.

Segundo Antonio Maria Costa, diretor do Unodc, "é quase impossível calcular quantas pessoas são vítimas deste crime", devido à falta de dados concretos e "a resistência de alguns países em reconhecer a existência do problema".

Vários países, entretanto, estão tentando combater o tráfico de seres humanos. O Brasil é um deles: "O Brasil avançou muito não só nas investigações como no processo de conscientização, não só das possíveis vítimas mas de toda a sociedade para o problema", comentou Sandra Valle, consultora do Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime.

A consultora do Unodc vê esta iniciativa como um passo importante para combater o tráfico, sobretudo, de mulheres: "Essa conscientização é muito importante como a primeira fase porque a princípio e principalmente quando eu vi os primeiros casos de tráfico acontecerem havia um preconceito muito grande em relação àquelas mulheres, achavam que elas, por viverem essa vida, sabem muito bem os riscos a que estão se expondo".

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud