Mulheres

Guterres cita exemplo da Guiné-Bissau em debate sobre mulheres e segurança

Secretário fala de contribuição feminina para reverter crise política no país; entre 1990 e 2017, havia 2% de mediadoras em todos os principais processos de paz; ONU destaca aumento de 56% de casos violência sexual ligada a conflitos no ano passado.

Especialistas da ONU dizem que punir uso de véu islâmico na França viola direitos humanos

Comité das Nações Unidas considera que o país violou direitos humanos ao multar uso de véu de corpo inteiro; queixa foi apresentada por duas mulheres muçulmanas; ONU considera que liberdade à prática de religião foi infringida.

Teste de virgindade viola direitos humanos e não tem base científica, segundo agências da ONU
BR

Declaração conjunta pediu fim dos tipos de exame no Congresso Mundial da Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia do Rio de Janeiro; prática é comum em pelo menos 20 países.

Guterres: “Precisamos capacitar as meninas com competências duradouras”

Secretário-geral identifica barreiras à igualdade de oportunidades; mulheres representam menos de 30% dos empregos em pesquisa e desenvolvimento; chefe da ONU reafirma compromisso no apoio ao desenvolvimento de competências.

Solidariedade com mulheres marca visita de funcionário da ONU ao Sudão do Sul

Chefes das Operações de Paz e da ONU Mulheres dizem que o grupo é um dos mais afetados pelo conflito; acordo de paz define quota de 35% de mulheres nomeadas para cargos executivos.

ONU: “nenhuma mulher deve morrer por ser mulher”
BR

Feminicídio mata 12 mulheres por dia na América Latina; região tem 14 dos 25 países com os mais altos índices assassinatos de mulheres no mundo; 98% dos homicídios relacionados ao gênero não chegam à justiça.

Escritório da ONU na Guiné-Bissau aplaude lei sobre igualdade de género

Carta aberta foi divulgada pelo Uniogbis nesta quarta-feira; quota mínima de 36% de mulheres candidatos a cargos eletivos deve permitir mais avanços para a igualdade de género na política.

Unicef alerta sobre riscos para crianças mexicanas e centro-americanas deportadas

Menores deportados do México e dos Estados Unidos sofrem consequências da pobreza, da extrema violência, falta de oportunidades e outras ameaças; em Honduras, por exemplo, 74% das crianças vivem na pobreza; na Guatemala, 942 crianças tiveram mortes violentas no ano passado.

Unfpa diz que 48% das meninas em Moçambique casam-se muito cedo

Realidade dificulta presença delas no processo de desenvolvimento, capacitação e participação efetiva para desenvolvimento da economia do país; muitas ficam inteiramente fora do processo.

Cabo Verde tem primeira associação nacional de trabalhadores domésticos

Setor absorve cerca de um quarto da força de trabalho feminina do arquipélago; ONU Mulheres apoia criação do regulamento do setor feita pelo Instituto Cabo-verdiano para a Igualdade e Equidade de Género.