Ajuda humanitária

Cabo Delgado: violência quadruplicou número de deslocados internos desde janeiro 
BR

Mais de 33 mil moçambicanos fugiram de suas casas somente na semana passada; trabalhadores humanitários estão preocupados com piora da situação, que afeta principalmente crianças e mulheres. 

Embarcação vira e mata dezenas de pessoas em Cabo Delgado, Moçambique 
BR

Moradores da província estão fugindo da violência na área em centenas de barcos e navios; ataques de extremistas islâmicos já causam o deslocamento de mais de 300 mil moçambicanos na área. 

População mundial vivendo em áreas expostas a tsunamis vai aumentar na próxima década 
BR

Em Dia Mundial da Conscientização sobre Tsunamis, ONU pede fortalecimento da governança de risco de desastres; secretário-geral diz que planos e políticas em vigor para reduzir os impactos do tsunami ajudam a proteger populações em risco. 

Guterres diz que insegurança alimentar está “a um nível não visto há décadas” 
BR

Dia Mundial da Alimentação é marcado neste 16 de outubro; mais de 130 milhões de pessoas correm risco de passar fome até o final deste ano; em mensagem sobre o dia, secretário-geral afirma que “em um mundo de fartura, é uma afronta grave que centenas de milhões de pessoas vão para a cama com fome”. 

Programa Mundial de Alimentos é o Prêmio Nobel da Paz de 2020 
BR

Agência da ONU é a maior organização humanitária global atuando na questão da fome e promovendo a segurança alimentar; Comitê Nobel da Noruega destaca capacidade impressionante da agência em intensificar esforços na pandemia. 

PMA pede US$ 4,7 milhões para socorrer vítimas de conflito em Moçambique  
BR

Mais de 300 mil pessoas tiveram que fugir de suas casas após intensificação da violência na província de Cabo Delgado, no norte do país; área, na fronteira com a Tanzânia, tem sido alvo de combates entre extremistas islâmicos e as forças do governo.*

ONU apoia resposta a crise humanitária em Cabo Delgado, Moçambique
BR

Neste Destaque ONU News Especial, saiba mais sobre a crise humanitária em Cabo Delgado. Mais de 300 mil pessoas buscaram refúgio nas províncias vizinhas de Nampula, Niassa e Zambézia. Ataques armados de insurgentes nos distritos no extremo norte são um dos motivos e os efeitos do ciclone Kenneth ainda se fazem sentir. O Programa Mundial para a Alimentação, PMA, oferece ajuda a mais de 200 mil pessoas.

ONU nomeia brasileiro para lista de 17 Jovens Líderes para Objetivos Globais
BR

Ralf Toenjes promove acesso à saúde ocular em comunidades carentes e foi escolhido entre mais de 7 mil inscritos em todo o mundo; campo de ação das iniciativas do empreendedor inclui países como Brasil, Moçambique, Haiti e Índia.

Três anos depois do início da crise, rohingya estão “mais vulneráveis ​​do que nunca” 
BR

Quase todos os refugiados dependem da assistência alimentar para sobreviver; no total, mais de 860 mil pessoas vivem nesses assentamentos em Bangladesh; Covid-19 e crise econômica estão dificultando a resposta humanitária. 

Agências da ONU destacam ação de jovens para recuperar Beirute após explosão 
BR

ONU Mulheres ressalta papel do grupo aproximando pessoas e despertando propósito e responsabilidade cívica; Unicef quer investir para aumentar capacidades do grupo para apoiar reconstrução no contexto da pandemia