Ajuda humanitária

Avião do PMA faz primeiro pouso em Cabul desde que Talibã entrou no poder
BR

Mais de 90% das famílias do Afeganistão estão com dificuldades para conseguir comida; voos liderados pela Unhas também levam suprimentos de emergência e medicamentos.  

ONU reitera compromisso com afegãos e pede construção de nova realidade
BR

No Conselho de Segurança, representante especial do secretário-geral para o Afeganistão, Deborah Lyons, afirmou que a continuidade do engajamento internacional e o compromisso com o povo podem ajudar a obter melhores resultado. 

Menos de 1% das crises tem fundos para atuação humanitária antes de crises   
BR

ONU prevê aumento de pessoas carenciadas com novas situações como a do Afeganistão; cerca de 235 milhões de pessoas precisam de assistência e proteção em nível global; número de necessitados é 40% mais alto do que o do ano passado.  

PMA enfrenta crise sem precedentes na Etiópia, com 7 milhões passando fome
BR

Faltam US$ 426 milhões para o Programa Mundial de Alimentos poder continuar suas operações no país; neste mês, a agência começou a entregar assistência de emergência em regiões próximas à fronteira com Tigray. 

ONU precisa de cerca de US$ 600 milhões para travar colapso humanitário no Afeganistão 
BR

Emergência piorou após tomada de Cabul pelo Talibã em 15 de agosto; país está na iminência de seca e fome; custo de vida dispara, inflação aumenta e moeda desvaloriza; Unicef atua para reunir centenas de menores a famílias no exterior. 

Chefe humanitário da ONU encontra-se com líderes do Talibã
BR

Martin Griffiths foi para Cabul a pedido do secretário-geral; ajuda humanitária ao Afeganistão esteve no centro da reunião com Mullah Baradar e outros representantes do movimento.

 

Guterres convoca encontro de alto-nível para ampliar resposta humanitária ao Afeganistão
BR

Encontro para angariar fundos será no dia 13 de setembro; meta das Nações Unidas é também conseguir acesso desimpedido dos trabalhadores humanitários; mulheres e crianças representam 80% dos deslocados internos.

Agências da ONU reforçam ajuda humanitária ao Haiti após terremoto
BR

Mais de 50 mil haitianos receberam apoio da Organização Internacional para Migrações, OIM, com itens de higiene e abrigo após terremoto, de 14 de agosto, no país; sismo afetou 800 mil pessoas, matou mais de 2 mil mortos e feriu 12 mil.

Ocha prevê piora dramática da situação em Tigray, na Etiópia
BR

Está impossível levar suprimentos de saúde e de nutrição, dinheiro e combustível à região; 90% da população da área precisa receber ajuda humanitária, sendo que 400 mil pessoas já estão famintas; meta é evitar uma das piores situações de fome do mundo em décadas.  

Voo da ONU com insumos médicos chega a Mazar-e-Sharif, no Afeganistão
BR

Ramiz Alakbarov, coordenador humanitário da ONU em Cabul, diz que país precisa da solidariedade do mundo neste momento de crise; Talibã tomou capital em 15 de agosto.