Ajuda humanitária

Agravamento da crise em Cabo Delgado preocupa agências da ONU em Moçambique 
BR

Diretores regionais de sete agência visitaram província para avaliar necessidades humanitárias; mais de 565 mil pessoas fugiram de suas casas e aldeias desde que os ataques de grupos armados não estatais começaram em 2017.

Falta de financiamento coloca em risco combate à praga de gafanhotos
BR

Aeronaves que patrulham os céus da África Oriental para localizar e pulverizar nuvens destes insetos podem parar de funcionar em março; Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação diz que recurso é necessário para eliminar o problema. 

Organização Pan-Americana da Saúde reforça equipe em Manaus contra crise de Covid-19 
BR

Estado do Amazonas sofre colapso do sistema de saúde, acumulando recordes de casos do novo coronavírus e mortes por falta de oxigênio nos hospitais; além da Opas, várias agências da ONU estão no terreno ajudando os grupos mais vulneráveis. 

ONU pronta para apoiar Indonésia após terremoto que matou dezenas
BR

Pelo menos 34 pessoas morreram e mais de 18 mil pessoas foram temporariamente deslocadas em 10 locais de evacuação; terremoto de magnitude menor atingiu a mesma área na tarde de quinta-feira; Nações Unidas estão em contato com o governo do país para apoiar a resposta.

Chefe humanitário diz que prioridade no Iêmen é evitar uma fome massiva 
BR

No Conselho de Segurança, funcionários da ONU alertaram para efeitos negativos da decisão dos Estados Unidos de declarar o grupo Ansar Allah, também chamado de houthis, como entidade terrorista; apelo de ajuda humanitária recebeu apenas metade dos fundos no ano passado. 

Violência em Moçambique já forçou 565 mil pessoas a abandonar suas casas 
BR

Programa Mundial de Alimentos fornece assistência alimentar a cerca de 400 mil civis afetados pelo conflito em Cabo Delgado, mas tem problemas de financiamento; nos próximos três meses, agência poderá ter que reduzir ou interromper auxílio em três províncias; Covid-19 piora a situação. 

Mais de 56 mil etíopes fugiram para o Sudão por causa da violência 
BR

Apenas nesses primeiros dias de janeiro, 800 pessoas cruzaram a fronteira; Agência da ONU para Refugiados, Acnur, traz dados desde novembro, quando começaram os confrontos entre forças regionais e tropas do governo na região de Tigray. 

Unicef quer US$ 1 bilhão para socorrer mais de 10 milhões de crianças em 2021
BR

Em comunicado, agência da ONU informou que 10,4 milhões de crianças estão em risco em países e regiões como República Democrática do Congo, nordeste da Nigéria, região central do Sahel, Sudão do Sul e Iêmen, todos atravessam crises humanitárias.

Moçambique se prepara para tempestade, que pode afetar 4 milhões de pessoas 
BR

Chefe das Nações Unidas no país, Myrta Kaulard, diz à ONU News que existe uma preparação “muito intensiva”;  tempestade pode atingir 6 mil escolas e centenas de centros de saúde; representante realça alta vulnerabilidade em relação a recursos.  

Cerca de um quarto de eritreus vivendo em Tigray recebem ajuda humanitária 
BR

Proteção e segurança de 100 mil refugiados foi uma das maiores preocupações das agências de auxílio; passos seguintes após entrega alimentar incluem apoio com proteção, abrigo, cuidados médicos e escolas.