África

Agências das Nações Unidas querem mais ação para combater praga de gafanhotos
BR

Em comunicado conjuntos, chefes da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, FAO, do Programa Mundial de Alimentos, PMA, e do Escritório de Assistência Humanitária disseram que a hora de pagar é agora para evitar uma conta mais cara depois.

ONU pede investigação de ataque que matou 20 em Camarões incluindo crianças
BR

Homens armados invadiram vilarejo no nordeste do país; entre os mortos estão crianças; área é alvo de confrontos entre forças do governo e separatistas camaroneses; equipe humanitária da ONU não consegue chegar ao local por causa da insegurança.

General brasileiro vê forças de paz mais eficientes atuando junto a comunidades da RD Congo
BR

Em primeira viagem ao campo, comandante da força Ricardo Augusto Costa Neves esteve na área de Beni; oficial acredita que operações de inteligência da maior missão de paz do mundo podem ter mais apoio dos civis.

Brasileiro fala do medo dos moradores em área alvo de ataques em Moçambique

Funcionário da agência falou à ONU News sobre situação em Cabo Delgado; área é alvo de ataques de insurgentes incluindo decapitações; escalada de violência fez subir para 100 mil, número de pessoas que abandonaram suas casas com medo dos confrontos.

ONU em Cabo Verde quer ajudar a gerar centenas de empregos em 2020
BR

Cooperação no quinquênio que termina em 2022 envolve US$ 96 milhões; parceria destaca ação climática e impulso ao setor de desenvolvimento do país lusófono que foi destacado como modelo de transparência”.*

Secretário-Geral participa de Encontro de Cúpula da União Africana, na Etiópia
BR

Tema deste ano é “Silenciando as armas: Criando Condições Adequadas para o Desenvolvimento da África”; medida consta na Agenda 2063 para o continente e visa avançar com a paz e segurança.

ONU alerta para perigo de crise humanitária causada por gafanhotos na África
BR

Diretor-geral da FAO pediu apoio urgente para combater agravamento da situação no Sudeste da África; agência precisa de US$ 76 milhões para resposta em cinco países; quase 12 milhões de pessoas já enfrentam situação de grave insegurança alimentar na região.