África

ONU condena assassinato de norte-americanos por piratas somalis (Português África)

Segundo a imprensa local, dois casais foram mortos após sequestro na sexta-feira; um dos casais, Jean e Scott Adam, aproveitava as viagens para distribuir Bíblias e falar da sua fé cristã.

Milhares de migrantes fogem da Líbia para a Tunísia, refere a OIM

A maioria cruza a fronteira para a Tunísia; vários governos pedem apoio da Organização Internacional para Migrações para evacuação dos seus cidadãos.

Ban ‘horrorizado’ com assassinato de americanos por piratas somalis
BR

Segundo a mídia local, os dois casais foram mortos após sequestro na sexta-feira; um dos casais, Jean e Scott Adam, aproveitavam as viagens para distribuir Bíblias e falar de sua fé cristã.

Conselho de Segurança quer fim imediato de violência na Líbia
BR

Embaixadora brasileira, que preside o órgão em fevereiro, leu comunicado após segunda reunião de emergência sobre o país nesta terça-feira.

Ban elogia progressos na situação de segurança na Guiné-Bissau

Em relatório, Secretário-Geral enaltece compromisso dos líderes políticos no diálogo; Ban apela à recuperação do ‘tempo perdido.’

Campanha de vacinação contra a pólio decorre no sul do Sudão

Segundo a OMS e o Unicef, a campanha de imunização vai beneficiar mais de 3 milhões de crianças; doença contagiosa ressurgiu no país em 2008.

Unamid preocupada com reacender de conflitos em Darfur

Segundo a missão, o exército defrontou uma aliança de grupos rebeldes em Darfur norte; lançado alerta para possíveis ataques a aeroportos.

Conselho de Segurança discute situação da Líbia

Segundo agências de notícias, protestos contra o regime do coronel Muammar Kadafi provocaram dezenas de mortos; Acnur pede investigação independente.

Lançado alerta para crise de cancro nos países pobres

OMS e Aiea referem que cancros curáveis em outras partes do mundo provocam casos fatais em África; em todo o planeta, mortes podem subir para 9,1 milhões em 2030.

Pnuma defende maior investimento em economia verde

Relatório da agência sugere que aplicar 2% do Produto Interno Bruto global nos sectores agrícola, de construção civil, florestas, turismo, pesca e outros são o necessário para reduzir a pobreza no mundo.