Últimas notícias

Atriz Mia Farrow apela por segurança de refugiados no Chade
BR

A atriz de Hollywood, Mia Farrow (à direita, na foto), apresentou a jornalistas na sede da ONU em Nova York um relato de sua visita a campo de refugiados no Chade e na República Centro-Africana.

Tribunal divulga nomes de suspeitos de crimes de guerra em Darfur
BR

Promotores do Tribunal Penal Internacional, TPI, divulgaram o nome de dois suspeitos de participação em crimes de guerra e contra a Humanidade em Darfur, no Sudão.

América Latina debate formas de proteção a trabalhadores do sexo
BR

Cerca de 90 representantes de governos da América Latina e do Caribe encerram nesta terça-feira em Lima, capital do Peru, a primeira consulta regional sobre trabalho sexual e HIV/Aids. O evento é apoiado pela ONU.

Vera Costa e Silva, 27/02/07

Consultora da Organização Pan-Americana da Saúde comenta conferência sobre combate ao cultivo de tabaco.

Victoria Ginja, 27/02/07

Diretora do PMA na Bolívia fala sobre as ações de assistência a mais de 4 mil famílias afetadas pelas cheias no país.

ONU debate eliminação de violência contra meninas

A vice-secretária-geral da ONU, Asha-Rose Migiro, pediu o fim da violência contra meninas e mulheres. O apelo foi feito durante a abertura da 51ª sessão da Comissão das Nações Unidas sobre o Estatuto da Mulher.

Navio da ONU com alimentos sequestrado na Somália

A porta-voz do Programa Mundial de Alimentos, PMA, afirmou que o ataque ao cargueiro da ONU, na Somália, só piora a situação humanitária no país.

Unmit confirma assalto a posto policial em Timor-Leste

A Missão Integrada das Nações Unidas para Timor-Leste, Unmit, confirmou um assalto a um posto policial no país, com roubo de armas automáticas.

Tribunal Internacional de Justiça absolve Sérvia de genocídio

O Tribunal Internacional de Justiça, CIJ, o mais alto tribunal das Nações Unidas, absolveu nesta segunda-feira a República Sérvia de responsabilidade directa pelo genocídio cometido durante a Guerra da Bósnia nos anos 1990.

PMA faz apelo devido às cheias na Bolívia

Enchentes que atingem país, desde dezembro, já mataram pelo menos 35 pessoas; ONU entregou 138 toneladas de alimentos às vítimas.