19 novembro 2018

O escritor moçambicano  fala sobre desenvolvimento no seu país, a importância  da língua portuguesa e o papel que os escritores podem ter nesses assuntos. Mia Couto junta sua voz à de líderes de várias áreas nos esforços globais para o sucesso da Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável, ODSs. Para o também poeta e jornalista, a educação deve ter prioridade.  O autor fala também sobre o seu último livro, "A Água e a Águia", lançado no mês de outubro.  

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud