7 julho 2018

A Comissão Codex Alimentarius, órgão da ONU responsável por criar padrões de segurança na indústria de alimentos, se reuniu, em Roma, durante a 41ª sessão da entidade. Entre as decisões tomadas no encontro, estão normas relacionadas ao nível máximo de mercúrio em peixes como atum e cação. 

Nesta entrevista à ONU News, de Roma, na Itália, o presidente da Comissão Codex Alimentarius, Guilherme da Costa, fala sobre a importância das normas adotadas pela Comissão Codex Alimentarius para a saúde do consumidor e práticas justas no comércio de alimentos. 

A Comissão do Codex Alimentarius foi criada há mais de 50 anos pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, e pela Organização Mundial de Saúde, OMS. O órgão da ONU aborda temas como contaminantes, pesticidas, alegações de saúde e rotulagem nutricional.

A Comissão se reúne todos os anos durante uma semana para adotar as normas, diretrizes, códigos de práticas e outras recomendações que compõem o Codex Alimentarius - em latim para “código de alimentos”.

Na entrevista com Daniela Gross, o veterinário Guilherme da Costa também abordou os principais avanços obtidos durante o encontro anual e temas como segurança alimentar e como o trabalho da Codex pode auxiliar no alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.